Paz e Amor

Paz e Amor

terça-feira, 31 de março de 2015

Via Sacra

Nós Te adoramos, ó Cristo, e Te bendizemos.
Porque com a Tua santa cruz remiste o mundo.

Senhor Jesus escuta a nossa oração
 Dá-nos a graça de imitarmos
A Paixão do Teu Filho, afim de levarmos
Com fortaleza e serenidade, a nossa cruz quotidiana.

Amém

domingo, 29 de março de 2015

"SENHOR"

"SENHOR"

Senhor, nesta noite de primavera.
Quero pedir-te
Por todos aqueles que estão abatidos
Que se sentem desanimados
Que se sentem sós e que estão doentes
Pelos pobres de pão e de espírito
Por todas as famílias que neste momento
passam por muitas necessidades
Pelos que não tem trabalho
Pelas nossas crianças
Que muitas vezes vão para a escola sem comer
E que são vitimas de violência
Por todas as mulheres que são obrigadas
Abortar os filhos que já amam
Ou por circunstâncias da vida
Ou ainda inconscientemente não sabem o que fazem.
Dá-lhes força e coragem para entregarem-se a Ti
Com Fé,esperança e o amor.
Eu amo-te e peço-te perdão pelos que não crêem.
Rezemos um Pai Nosso.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca

quinta-feira, 12 de março de 2015

Senhor, nesta manhã soalheira.

SENHOR

Senhor, nesta manhã soalheira.
Tantas vezes esqueço-me que estás comigo...
Que amas-me e perdoas-me
A vida por vezes não faz sentido
Em muitas alturas não a percebo.
Tu sabes que eu não sou muito tolerante
Que sou muito impaciente
Custa-me muito ouvir um não
Há momentos da nossa vida que nos depararmos
Com ventos de aflição, de chuva carregada de tristeza e de sofrimento
Desejo ardentemente pela Tua doçura
E de estar nos Teus braços com segurança.
Afinal Tu és a minha força e o meu refúgio.
Amém.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca

 

domingo, 8 de março de 2015

ORAÇÃO- SENHOR

SENHOR

Senhor, tu sabes que sou frágil.
Tão frágil, ao ponto de partir-me
Como uma simples porcelana
Quero curvar-me diante de ti com humildade.
Tu sabes que tudo em mim
São como os dias de tempestades
Guia os meus passos, pois os meus
Levam-me para as águas intermináveis dos mares
Orienta as minhas noites que são revoltas e tristes.
Sopra nos meus ouvidos uma prece
Refresca a minha pobre alma
Tu sabes que sou imperfeita e por vezes desatenta.
Humildemente agradeço-te e ajoelho-me
Bendito seja o teu amor por mim
Amém

Isabel Morais Ribeiro Fonseca